mswindows.org cheap office-professional-plus-2016 key parajumpers sale www.troilus.es anneshealinghands.nl canada goose jas parajumpers outlet

Conhecendo Amsterdam

19 de julho de 2011 | Férias

Vista de AmsterdamAmsterdam é fantástica: pessoas engraçadas e bem humoradas, a deslizar com suas bicicletas e um sorriso no rosto. Capital design, com prédios do futuro e do passado se misturando.

Viajamos de Paris para Amsterdã usando um trem chamado Tales. E que viagem agradável. Uma dica valiosa é que viajar pela Europa de trem é uma experiência que vale muito mais a pena. Viajar de avião é chato, pois você tem que chegar com muita antecedência ao aeroporto (que geralmente é muito longe do centro da cidade), passar por umas quatro filas: check in, verificação de bagagens e detector de metais (no que eles são muito rigorosos), verificação de documento e fila pra entrar no avião. De trem, é só você ir pra estação mais próxima (geralmente dentro da cidade) e entrar no trem. Ainda tem o adicional das lindas paisagens.
Chegamos à Centraal Station em Amsterdam e aconteceu algo que me deixou chateada: perdi meu telefone. Mas era meu dia de sorte (e eu ainda não sabia). Passei o dia todo tentando esquecer, mas não consegui. No final da tarde resolvi acessar o Facebook para ver se alguém podia ter encontrado. E isso aconteceu. Marciano Planqué e sua namorada encontraram o Iphone na estação e mandaram um recado pra mim, querendo devolver! Lá em Amsterdam também usamos o Airbnb e ficamos muito bem hospedados num apartamento lindo e confortável, próximo à Centraal Station. Os donos do apartamento nos receberam super bem e, além das maravilhosas acomodações, ofereceram um delicioso café da manhã.

Vista do apartamento onde ficamos hospedadosJonh e Fajri possuem um restaurante de cozinha Indonésia chamado Soenda Kelapa, onde jantamos um dia. Eles nos serviram uma espécie de banquete com pequenas porções de variados pratos, para que pudéssemos degustar os diferentes sabores da cultura indonésia. De entrada, comemos uma sopa que estava deliciosa: uma espécie de canja de galinha com alguns legumes, de sabor bem suave. Em seguida, veio o banquete: em potinhos separados vieram frango, peixe e carne com molho picante (bem picante), molho de leite de coco e molho de amendoim. Como acompanhamentos foram servidos: arroz com açafrão, arroz com coco queimado (delicioso), verduras com molho de amendoim, verduras cozidas ao vapor, banana verde empanada e mais umas cinco ou seis opções. Para beber pedimos cerveja indonésia, vinho e água. A cerveja é muito gostosa. No final da noite eles nos ofereceram uma cerveja de cereja, pela qual me apaixonei. Uma delícia!
Banquete indonésioEm nosso primeiro dia andando pela cidade, resolvemos nos perder. Andar sem rumo por Amsterdam é um privilégio. Cansados de tanto andar, nos sentamos num banquinho em frente a um canal e abrimos o mapa da cidade para saber onde estávamos. Então, um senhor de chapéu e óculos Ray-ban chegou, sentou ao nosso lado e ofereceu ajuda com o mapa. Carl, super simpático, nos apresentou a história detalhada da construção dos canais e aterramentos de Amsterdam, por data de acontecimentos.
Carl contando estórias para DanielNossas andanças foram muito bem recompensadas pela cidade alegre. Conhecemos o mercado de flores e as lojinhas de souvenires que ficam naquela rua. Além da exposição de lindas flores, você pode enviar os bulbos de tulipas para o mundo inteiro. É super legal. As lojinhas de queijo oferecem degustação de todo tipo de queijo que eles produzem: queijo de cabra, de vaca, queijo novo e envelhecido, queijo com ervas e etc. O mais saboroso mesmo era o Old Dutch Cheese, um queijo amarelo/alaranjado, com a capa preta e envelhecido durante anos. Enquanto eu me divertia vendo as flores, meu marido se esbaldava nas lojinhas de queijo.
Dutch cheeseOutras duas coisas deliciosas que comemos lá foi o chocolate da ArtiChoc, a appeltaart e o stroopwafel. A appeltaart é torta de maçã muito saborosa servida em vários lugares da cidade.O stroopwafel é um biscoito em formato de disco, composto por duas finas partes de massa, unidas por uma espessa calda caramelada. Dizem que a melhor maneira de saboreá-lo é acompanhado de chá ou café: você coloca um biscoito desses na beirada da xícara e espera uns minutinhos, para que o vapor aqueça a calda. Fica estupendo. Estas dicas eu vi no blog Ducs Amsterdam.

AppletaartEm Amsterdam, o simples fato de você sair andando pela cidade é um acontecimento. Você anda e para em frente a lojas, canais, pontes, coffee shops, sex shops, smart shops, praças e artistas. Aliás, vimos inúmeras manifestações artísticas nas ruas. Grupos musicais, street dance e até um grupo de capoeira. Lugares imperdíveis que vistamos em Amsterdam: Museu Van Gogh, Openbare Bibliotheek Amsterdam, Vondelpark, Red Light District, Dam Place….
ChuvaAgora, a coisa mais fantástica de Amsterdam são as pessoas em suas bicicletas. De fato, lá é o lugar onde as bicicletas reinam absolutas no trânsito. E tem de todo tipo: moderna, tradicional, com compartimento de carregar até 4 crianças. As pessoas inclusive escrevem mensagens no telefone andando de bicicleta (não sei como é possível, mas acontece). Claro que andamos de bicicleta lá. Escolhi um modelo tradicional. Com pneus grandes e banco largo, muito confortável de pedalar. Não cansa nada e nem dá dor no popô. E você se sente fazendo parte daquela cidade!
Bike coloridaAmsterdam faz a gente querer incluí-la em todos os tours que fizermos pela Europa!

Bicicletas de girafa

8 Comentários

  • Paulo Ruyther

    04 d julho d 2017, às 16:17. Responder

    Adorei seus comentários realmente não fogem da realidade

  • dulce

    21 d julho d 2013, às 22:09. Responder

    por favor, pode me informar o local que vcs ficaram hospedados em amsterda? no Airbnb proximo ao central station… pode me enviar um e-mail?

    • leiliane

      23 d julho d 2013, às 10:54. Responder

      Olá Dulce,

      Já te enviei um e-mail.
      Obrigada pela visita.

  • Jerônimo

    18 d julho d 2012, às 20:54. Responder

    Amsterdam realmente é uma cidade cosmopolita muito legal.
    Aliás a Holanda toda é um charme

  • Carolina

    29 d agosto d 2011, às 08:47. Responder

    Olá, eu e meu marido estamos querendo ir para amsterdã em julho do próximo ano, sabe dizer se veremos os campos floridos?

  • Lylia

    20 d julho d 2011, às 10:59. Responder

    Oi Leili,
    Que saudades de Amsterdam! Seu post está ótimo,tanto o texto quanto as fotos.Faz com que a gente se sinta lá.
    Feliz Dia do Amigo hoje pra vc,minha nova amiga.
    Bj,
    Lylia

  • Helena

    20 d julho d 2011, às 10:36. Responder

    Oi, Leili, adorei a cara nova do site…e, claro, as deliciosas impressões sobre a adorável Amsterdam!

    Beijão pros dois!

Comente