mswindows.org cheap office-professional-plus-2016 key parajumpers sale www.troilus.es anneshealinghands.nl canada goose jas parajumpers outlet

Conhecendo Toronto

28 de agosto de 2013 | Férias

Este ano visitamos o Canadá! Pegamos o início da primavera (que mais parecia inverno). Ao chegarmos em Toronto começou a nevar bem cedo. Foi a primeira vez que vi neve na vida. Pegamos temperaturas entre 0 e -7 graus. Para nós que não estamos acostumados a encarar a rua nesse frio, era até difícil sair de casa. Mas com as roupas e adequadas e orientações valiosas dos nossos anfitriões, foi possível curtir a cidade.

St Lawurence

Hospedagem:
Mais uma vez utilizamos o Airbnb para hospedagem nessa viagem ao Canadá. Ficamos em duas hospedagens em Toronto. A primeira foi um casal de artistas mais experientes e muito tranquilos. O apartamento era muito confortável e bem localizado. E no quarto tinha microondas, chaleira elétrica e todo equipamento necessário para fazermos um chá e tomar café da manhã. Nossa segunda hospedagem foi na casa de um casal ultra divertido – Calin e Vanessa. O quarto é temático da Hello Kitty, uma brincadeira deles, que são muito bem humorados e sabem receber como ninguém. Podíamos usar a cozinha deles e fiz até pão de queijo.

Comida:
Um grande segredo era sair de casa bem alimentado pela manhã. E a Vanessa, que nos recebeu, certo dia nos preparou as famosas Panquecas cobertas com Maple Sirup. Esse café da manhã bem açucarado enche qualquer um de energia.

Outro segredinho para manter o aquecimento interno do corpo é parar no caminho e entrar em lugares quentes, e eventualmente beber um chá ou café. E claro, na hora de se alimentar, há diversas opções bem calorosas e picantes nas ruas de Toronto.

Percebemos que quem vive no Canadá costuma gostar de uma pimenta. E andando pela rua, no dia mais frio, o que meu corpo mais queria era uma sopa quente. Entramos no Ginger, um restaurante Vietnamita. Pedi uma Pho Noodle Soup, e me apaixonei já pelo aroma. Cada colherada daquele caldo quente e aromático era como bálsamo para meu frio. Adorei!

Algo surpreendente que experimentamos em Toronto foi o hambúrguer: suculento e saborosíssimo. O melhor que já experimentei até aqui. Lá também há costume de se comer batata doce frita e de colocar maple nos queijos.

hamburguer

Para quem gosta de comer e cozinhar, a visita ao St. Lawrence Market é indispensável. Eles tem uma variedade de cores e tipos de cebola, batata, cenoura, azeitona… E a laranja navy é bem mais saborosa do que a nossa laranja bahia. A exposição das carnes, dos chocolates e das mercadorias é muito bonita é muito bem feita. Lá encontrei polvilho e queijo apropriados para fazer pão de queijo. E também tinha arroz agulinha e feijão. Até guaraná tinha.

variedade

Passeios:
Chegamos em Toronto no dia 17 de março –  dia em que houve uma parada de Saint Patrick’s Day nas ruas, onde as pessoas desfilam com roupas verdes, carros alegóricos, tocando, dançando e bebendo. Tava muito frio!!!! E foi super divertido. Os pubs ficam lotados e muita gente sai pra ver a parada. No dia seguinte fomos assistir a um jogo de Hóquei no Gelo, um dos principais esportes do Canadá.

St Patrick

Em Toronto há possibilidade de se comprar o City Pass e visitar 5 pontos turísticos da cidade. Com isso, pudemos visitar a CN Tower (uma torre bem alta com arquitetura futurística), Casa Loma (uma espécie de castelo muito bonito, que já foi cenário do filme dos X-Men), Royal Ontário Museum (museu imperdível) e Ontário Science Centre (centro de ciências muito legal). Não conseguimos visitar o Zoológico.

Casa Loma

O Lago Ontário é tão grande que mais parece o mar. E forma uma praia muito bonita. Deve ser muito bom no calor. Mas mesmo no frio Calin, Vanessa e Remi nos levaram lá para conhecer. Ainda havia um pouco gelo entre as pedras e areia.

Nossos anfitriões

O passeio a Niagara Falls também é muito bonito e aprazível. No caminho há 2 paradas: uma na charmosa cidadezinha histórica Niagara-on-the-lake e uma para degustar o famoso Ice Wine. Sem contar que as cataratas estavam muito bonitas, com parte do gelo ainda por lá (mas as nossas Cataratas do Iguaçú são superiores).

Niagara Falls

O que mais nos marcou nessa passagem por Toronto foi a alegria e hospitalidade das pessoas por lá. Assim como em São Paulo, Toronto é uma selva de pedras povoada por pessoas interessantes, calorosas, divertidas e multiculturais.

Jerusalem

Continuarei essa série de posts sobre o Canadá, com as receitas de Toronto (panquecas com maple e pho noodle soup) e falarei das outras cidades que visitamos – London e Vancouver.

 

8 Comentários

Comente