Punheta de Bacalhau

22 de maio de 2017 | Entradas e Pestiscos

Punheta de bacalhau é uma entrada deliciosa de origem Portuguesa, preparada com lascas de bacalhau, alho, cebola, salsa, azeitonas pretas e bastante azeite. Juliana, uma grande amiga que morou em Portugal, preparou essa iguaria para um evento e eu amei! É de uma simplicidade e de um sabor absolutamente apaixonante. O jeito ideal para servir essa entrada de bacalhau é com pão mais firme: pode ser levemente torrado, pão amanhecido, baguete… O nome bastante polêmico para uma receita, mas é isso mesmo. Alguns dizem que a punheta de bacalhau tem esse nome pois era feito a próprio punho (utilizava-se apenas as mãos). Também encontrei alguns artigos denominando o prato de espinheta. Enfim, polêmicas à parte, veja a seguir a receita:

8 Comentários

  • LEILI KUTT

    18 d setembro d 2020, às 15:38. Responder

    Oi…. meu nome é Leili, mesmo, meu pai estoniano é
    quem me deu. É um nome muito comum na Estônia. Por isso fiquei admirada de encontrar…mas já conferi que o teu vem de Leiliane.
    Gosto de cozinhar e já não poderei usar meu nome em receitas. Vou acrescentar meu sobrenome…
    Gostei do teu blog. Abracos

  • Fernando Ruy Costa

    15 d janeiro d 2020, às 22:11. Responder

    Receitas recebem variações ao longo do tempo e do espaço, mas a punheta de bacalhau nesta receita recebeu uma alteração fatal.Neste prato, o bacalhau jamais deve passar por agua quente. O peixe é servido demolhado, desfiado e CRÚ

    • Leiliane

      19 d fevereiro d 2020, às 04:42. Responder

      Você tem razão Ferbando. Vou editar a receita e deixar bem claro que a tradição é dessa maneira, embora eu tenha feito errado.

  • Nelson Luiz Batista

    17 d dezembro d 2019, às 18:09. Responder

    Parabéns ficou uma maravilha.obrigado

  • Edmilson

    30 d agosto d 2019, às 20:47. Responder

    Vou fazer em minha casa

    • Leiliane

      20 d setembro d 2019, às 17:44. Responder

      Que legal! Quando fizer volte aqui e comente o resultado. Abraços.

  • Gildete Curvelo

    14 d dezembro d 2018, às 20:25. Responder

    Muito fácil. Vou fazer para o Natal

  • Gildete Curvelo

    14 d dezembro d 2018, às 20:23. Responder

    Adorei a receita, muito fácil.

Comente